Design de Games

Bate-papo com os desenvolvedores do game Zumbi Olé

Uma produção elaborada pelas desenvolvedoras indies paulistanas Carranca Games e Trixter Interactive, o jogo Zumbi Olé, se trata de um game que o jogador precisa driblar zumbis em uma partida de futebol.Yara_jumping

Conversei com os desenvolvedores para entender um pouco mais sobre o Design do jogo.

“No início do processo de desenvolvimento do Zumbi Olé, tudo parecia menor e mais simples. Quando as duas equipes se encontraram pela primeira (e única) vez, percebemos que o potencial do jogo era muito maior e a capacidade criativa de cada um aliada à vontade de tornar tudo aquilo realidade iria transformar o projeto em algo que não conseguíamos mensurar muito bem naquele momento, mas que com certeza seria muito mais trabalhoso.” – Álvaro Gabriele,­ artista 2d e 3d / designer de interfaces  (Trixter Interactive)

A.C: Sobre o logo, me lembro que no começo da produção vocês usaram a sequência de Fibonacci.

“Ele mudou muitas vezes e acabamos baseando-o mais na ilustração que combinasse do que qualquer elemento de design… dessa vez o que venceu foi o estilo”, Raul Tabajara, ­ game designer e diretor de arte (Carranca Games)

A.C: As ilustrações seguem uma linha cartoonizada, cores quentes e frias se misturam muito bem.

“Desenhar e jogar videogame sempre foram dois grandes prazeres na minha vida e desde pequeno eu sempre sonhei em trabalhar com isso. Dentre as profissões da indústria do entretenimento, ser um ilustrador de games é muito bacana porque você participa diretamente do processo criativo do projeto. Não existe um segredo para ser um bom ilustrador. Sempre que me perguntam sobre isso eu nunca sei responder. A única coisa que posso fazer é exemplificar o que eu faço até hoje: Se você gosta de desenhar e quer trabalhar com isso, nunca pare de estudar. Procure sempre melhorar. Eu procuro aprender com tudo o que eu faço. Através de cursos ou não eu estou sempre buscando aperfeiçoar o meu trabalho. E trabalhar no “Zumbi Olé” com a Carranca está sendo um aprendizado enorme para mim. ” Yugo Ohnishi, artista 2D (Carranca Games)

“Fico muito feliz e motivado quando estou rodeado de pessoas criativas, profissionais e que, além disso, são excelentes seres humanos.” – Alexandre Iervolino, músico e designer de Som (Carranca Games).

A.C: E a programação? para muitos pode parecer simples essa temática de driblar.

“Tenho um carinho muito especial pelo Zumbi Olé, que mesmo em sua aparente simplicidade foi o projeto de game mais tecnicamente ambicioso em que já atuei, e apesar de hoje o jogo ainda não ter tudo aquilo que sonhamos, espero em breve incluir todas as ideias adormecidas e tornar Zumbi Olé o projeto que ele merece ser!” – André “Intentor” Martins, ­programador (Trixter Interactive).

Ficou com vontade de jogar? Faça o download do game Zumbi Olé para os dispositivos móveis com Android e IOS.

Android | IOS

Trailer Português

 

Reação das pessoas ao jogarem o primeiro BETA na CCXP 2015


CONTATOS

Raul Tabajara está a frente de contatos, palestras e entrevistas.

raultabajara@gmail.com // (11) 9­9403­4994 // www.raultabajara.blogspot.com


Gostou do post? Do jogo? Deixe seu comentário e até a próxima.

 

Sobre o autor

Ana Carolina

Tem 25 anos, Fundadora da Lorac Ideias, vive de sonhos, amante de batata e minhoca de gelatina, redatora por paixão e profissão, cheia de ideias, um pouco gamer, adora viajar e andar com os pés descalços.

Comente pelo Facebook